Já teve receio de apertar uma campainha, ligar um chuveiro ou acionar um interruptor? O medo de levar um choque é perfeitamente normal, principalmente se a aparência da instalação não for organizada ou a fama do eletricista não seja das melhores. Fiação exposta, material de baixa qualidade e amadorismo é um conjunto de fatores que podem levar não somente a um belo choque, mas também a um grave acidente. Então, como fazer um
projeto elétrico?

Tudo começa, com o perdão da redundância, por um projeto. E isso é muito mais do que saber quais fios são o positivo, negativo ou neutro. A importância de um bom projeto elétrico, muitas vezes só é lembrada durante um agradável banho, interrompido pela queda do disjuntor do chuveiro ou quando o fio começa a aquecer por uma instalação mal feita. Voltando ao fio neutro, conhecê-lo é apenas o primeiro passo para saber ler um projeto elétrico.

 

Nesse artigo você irá aprender sobre:

Mas afinal, o que é um projeto elétrico e quem o faz?

Existem algumas normas que regem o projeto elétrico?

Como fazer a leitura de um projeto elétrico?

Por que optar por um projeto elétrico residencial?

Qual é o custo de um projeto elétrico residencial?

A instalação elétrica é feita pelo mesmo profissional?

 

projeto-eletrico

 

Mas afinal, o que é um projeto elétrico e quem o faz?

 

projeto elétrico

 

Como padrão, entre as diversas plantas feitas por um engenheiro civil contratado está a planta elétrica. Ela direciona o profissional para compreender quanto de material será consumido, quantas lâmpadas e tomadas serão instaladas bem como os diversos disjuntores que serão usados no quadro central. Em termos simples, o projeto elétrico consiste na descrição de detalhes da instalação elétrica. Ele aponta a localização de cada ponto de energia, o trajeto de cada condutor, qual a carga de cada circuito e a carga total, entre outras especificações. Um projeto elétrico gera economia, pois será adquirida a quantidade certa de peças evitando sobras e desperdícios; segurança do patrimônio e dos usuários, previsão de consumo entre outros benefícios.


           Um projeto elétrico deve ser feito por um profissional de nível superior, devidamente reconhecido pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (CREA), com conhecimento das normas técnicas que regulamentam o setor e habilitado para assinar este projeto.

 

Existem algumas normas que regem o projeto elétrico?

nbr-5410

 

Para garantir um projeto elétrico com segurança e confiabilidade, os profissionais da área realizam seus trabalhos com base na ABNT NBR 5410:2014 versão corrigida 2008, que versa sobre instalações elétricas em projetos de baixa tensão. De acordo com Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), a norma “aplica-se principalmente às instalações elétricas de edificações, qualquer que seja seu uso: residencial, comercial, público, industrial, de serviços, agropecuário, hortigranjeiro, incluindo as pré-fabricadas.” “Esta norma estabelece as condições a que devem satisfazer as instalações elétricas de baixa tensão, a fim de garantir a segurança de pessoas e animais, o funcionamento adequado da instalação e a conservação dos bens”.

O rígido padrão das normas técnicas estabelecidas pela NBR 5410 garante segurança e conforto para o usuário. ABNT é a sigla de Associação Brasileira de Normas Técnicas, um órgão privado e sem fins-lucrativos que se destina a padronizar as técnicas de produção feitas no país. A normalização técnica dos produtos científicos e tecnológicos documentais é fundamental para a total e ampla compreensão e identificação dos mesmos.

 

Como fazer a leitura de um projeto elétrico?

projeto elétrico

Para ler um projeto técnico, o profissional contratado para a execução do projeto deve ter conhecimento de elétrica e acompanhar as legendas e notas que acompanham o projeto. A definição de um projeto em simples ou sofisticado se dá pelo número e localização de tomadas e lâmpadas e a capacidade de carga de cada um. Equipamentos que consomem mais energia devem ter sua localização identificada e potência definida. Por exemplo, um disjuntor específico para chuveiros e outro para aparelhos de ar condicionado. 

Na legenda do projeto elétrico, o profissional identifica onde estão os pontos de luz, tomadas, interruptores simples e paralelos, como ligar e desligar uma lâmpada ou conjunto de lâmpadas e interruptores diferentes, caixa de passagem de sistemas, caixa de passagem de luz e força, quadro de distribuição de luz e tubulações. Neste também consta o diagrama unifilar, uma representação visual universal composta de símbolos gráficos.

Na prática, todo eletricista profissional, independente de onde esteja, conseguirá entender o projeto de instalação. Já os eletricistas práticos têm dificuldades em ler um diagrama. No diagrama unifilar, é possível identificar quantos condutores passarão em determinados eletrodutos, que são os dutos que protegem cabos e condutores, ou conduítes, e qual o trajeto do mesmo. O projeto elétrico também pode vir acompanhado do diagrama multifilar, que detalha de forma minuciosa os componentes da instalação e os condutores.

 

Por que optar por um projeto elétrico residencial?

 

Mas, por que realizar um projeto elétrico residencial? Infelizmente, muitos usuários não entendem a importância deste para sua casa ou apartamento. Assim como problemas hidráulicos podem gerar grandes desgastes, como vasos entupidos ou mau cheiro, a falta de um bom projeto elétrico residencial também pode gerar futuros contratempos.

Por exemplo, quando você decidir instalar um novo equipamento, como um sistema de alarme e não souber por onde passa a fiação ou se há capacidade para mais um aparelho, será o projeto elétrico residencial que detalhará a bitola do fio, por onde está passando a fiação, qual disjuntor pode ser desligado sem comprometer toda a eletricidade da casa entre outros.

Ou pode ser que você descubra em um momento de muito calor, que o ar condicionado que você comprou não pode ser instalado porque o sistema existente não suporta o consumo do aparelho. Isso e outros aborrecimentos não existem quando há um bom projeto elétrico residencial. 

Com a instalação de diversas tomadas você evita sobrecarga, com vários equipamentos ligados no mesmo ponto, e isso é muito sério, pois o aquecimento de um ponto de energia pode provocar incêndios. Você pode acompanhar a elaboração do projeto elétrico residencial detalhando para o engenheiro onde deseja que sejam instalados os interruptores e as diversas tomadas, tornando seu dia-a-dia muito mais prático. 

Para elaboração de um projeto elétrico predial, o profissional fará diversos levantamentos, como dispositivos de proteção, carga, aterramento, linhas elétricas, divisão da instalação em circuitos, dimensionamento da proteção, de eletrodutos e condutores elétricos, sendo possível listar os materiais que serão utilizados e suas quantidades.

 

Qual é o custo de um projeto elétrico residencial?

 

Como os demais projetos que compõem a planta de construção de seu imóvel, o projeto elétrico residencial deve ser considerado de suma importância. Por isso, não é bom economizar tentando fazer por conta própria depois de um cursinho de elétrica por correspondência ou confiar no amigo que falou que está acostumado a fazer isso nos fins de semana.

O projeto elétrico representa a beleza dos ambientes da sua casa com o bom funcionamento de lâmpadas e luminárias, segurança para os membros de sua família com a certeza de uma correta instalação e aterramentos além de proteger seu imóvel de futuras sobrecargas e aumento na tarifa de energia pelo uso inadequado de produtos.

Lembre-se que fazer um projeto elétrico é diferente da instalação elétrica. Ambos os serviços devem ser feitos por um profissional capacitado, mas, em momentos diferentes. O projeto técnico pode ser feito por um engenheiro com graduação superior ou por um técnico, desde que estejam cadastrados no CREA com autorização para realização de um projeto elétrico e com conhecimento das normas técnicas. O projeto deve ser feito de preferência em paralelo com o projeto de construção do imóvel, sendo o engenheiro civil apto a realizar as duas demandas e lhe entregar a planta da sua propriedade com todas as especificações.

 

A instalação elétrica é feita pelo mesmo profissional?

instalação elétrica

Já a instalação elétrica deve ser feita por um profissional com conhecimento das normas técnicas apto à leitura de diagramas e com experiência comprovada. E quanto cobrar por um projeto elétrico, se você, nesse momento, é habilitado na área e deseja iniciar seus trabalhos?

Uma das formas de cobrar por um projeto elétrico é por metro quadrado. A regra mais usada para o projeto elétrico é cobrar 50% do valor do projeto arquitetônico. Outra forma é por hora trabalhada com uma estimativa de quantas horas você gastará para fazer o projeto e chegar a um preço final. No cálculo das horas entra as visitas ao imóvel, tempo gasto em reuniões para definições, tempo de criação e até as horas gastas em órgãos públicos em busca das autorizações.

Para chegar ao valor da sua hora, considere que um engenheiro, de acordo com tabela do CREA tem o salário mínimo estipulado em 8,5 salários para oito horas diárias de trabalho. Considerando 160 horas mensais, calcula-se que a hora gire em torno R$ 47,00. É apenas uma sugestão para calcular quanto cobrar por um projeto elétrico.

Não ignore a importância de um projeto elétrico residencial. Assim como problemas elétricos impedem o bom funcionamento de um carro, a parte elétrica de uma casa pode dar muita dor de cabeça se não for feita de maneira correta e por um bom profissional. Contratar uma empresa com referências para elaborar o projeto elétrico da sua residência e um profissional apto a fazer a instalação elétrica evitará as famosas “gambiarras” que além de ilegais, são responsáveis por graves acidentes. Também evita desperdícios com a aquisição da quantidade correta de equipamentos, disjuntores, tomadas, cabos e fios.  

Seguir as instalações de acordo com o projeto elétrico faz parte de um conjunto de segurança que dará tranquilidade para você usufruir do conforto e da tecnologia sem surpresas desagradáveis. Sua televisão funcionando perfeitamente, seu chuveiro sempre com água quente, os cômodos bem iluminados, seu ar condicionado com toda potência e todas as tomadas em uso sem sobretaxa na conta de energia. Você só tem vantagens em contratar e executar um projeto boa instalação elétrica.

 

projeto-eletrico

felipe-autor

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.