Tipos de vasos de pressão:  Vasos de pressão é o termo genérico para qualquer recipiente estanque, de qualquer tipo, formato, dimensão ou finalidade, que seja capaz de conter um fluido sob pressão. Como falamos de forma genérica, podemos dizer que uma panela de pressão é um vaso de pressão, da mesma forma que um botijão de gás.

Mas, em termos mais específicos, comumente vasos de pressão são considerados equipamentos de processos industriais, utilizados em indústrias, em processo de transformação física ou química de qualquer matéria ou a equipamentos que de destinam a armazenamento dos líquidos e gases necessários aos processos industriais.

Vistos por este ângulo, podemos definir as três aplicações mais comuns aos vasos de pressão:

 

vaso de pressao

 

 

1.      Armazenamento de gases sob pressão

 

Os gases armazenados sob pressão é uma maneira de conter um grande peso de gases num volume relativamente pequeno, facilitando sua utilização.

Precisa de inspeção no seu vaso de pressão ou caldeira- Chame a RW Engenharia!

2.      Acumulação intermediária

 

A acumulação intermediária de gases ou líquidos sob pressão muitas vezes é necessária para conter esses fluidos em etapas diferentes de um mesmo processo industrial ou entre processos diferentes, onde eles possam ser utilizados.

 

3.      Processamento

 

Muitos processos de transformação em líquidos e gases precisam ser feitos sob pressão, servindo para isso os vasos de pressão.

Com relação à sua utilização, os vasos de pressão são classificados também de forma diferente, podendo considerar os seguintes tipos de vasos:

 

4.      Vasos não sujeitos a chamas

 

Os vasos não sujeitos a chamas, apesar de não apresentarem fogo podem, em muitos casos, trabalhar em temperaturas elevadas. Nesse caso, temos os seguintes tipos de vasos:

 

5.      Vasos de pressão sujeitos a chamas

 

 

caldeira

 

 

Nesse tipo de vaso de pressão existe a presença de fogo. Podemos ter como vasos de pressão sujeitos a chamas:

Os vasos de pressão também podem ser classificados de acordo com a sua pressão de operação, podendo ter entre eles:

Ainda podemos classificar os diversos tipos de vasos de pressão segundo o seu formato. Basicamente, a parede de pressão de um vaso é composta do caso do vaso e dos tampos de fechamento, com os casos sempre em formato de uma superfície de revolução:

 

6.       Vasos de pressão cilíndricos

 

tipos de vasos de pressão

 

Esse é o formato mais utilizado, por ser o mais fácil de se fabricar e transportar, além de prestar-se à maior parte dos serviços, permitindo o aproveitamento de chapas inteiras para sua fabricação.

 

7.       Vasos de pressão esféricos

 

vaso de pressão esférico

 

O formato esférico, em teoria, é o ideal para vasos de pressão, pois pode-se conseguir menor espessura de parede e menor peso, em igualdade de condições para pressão e para o volume ali contido.

 

8.       Vasos de pressão cônicos

 

vaso de pressão cônico

 

Os vasos cônicos são empregados para a seção de transição entre dois corpos cilíndricos, de diâmetros diferentes. Também são utilizados quando o fluido de trabalho e mais viscoso ou quando se pretende minimizar as perdas por escoamento.

Outra análise que pode ser feita a respeitos dos vasos de pressão é com relação à posição de instalação dos mesmos, segundo suas necessidades de uso:

 

9.       Vasos de pressão verticais

 

vaso de pressão vertical

Os vasos verticais são utilizados quando seja necessário usar a ação gravitacional para o funcionamento do vaso ou para escoamento dos fluidos. Geralmente são mais caros que os horizontais, mas possuem a vantagem de ocupar uma área menor.

 

10.       Vasos de pressão horizontais

 

vaso de pressão horizontal

Esse tipo de instalação é o mais comum, sendo bastante utilizados para trocadores de calor e para a maior parte dos vasos de acumulação.

 

11.       Vasos de pressão inclinados

 

A instalação inclinada é praticamente uma exceção, aplicada apenas quando o processo industrial assim exige, como por exemplo para escoamento por gravidade de materiais difíceis de escoar.

A instalação dos vasos de pressão também pode ser geminada, isto é, dois ou mais vasos formando um único conjunto, numa disposição mais econômica e vantajosa, quando a pressão pelo lado convexo do tampo intermediário é moderada.

Os vasos de pressão, independente do seu tipo, modelo ou forma de instalação, têm um ponto em comum: precisam ser projetados para resistir com segurança às pressões internas e externas. Como são muito utilizados, principalmente em refinarias de petróleo, indústrias químicas e petroquímicas, eles são um dos mais importantes equipamentos e devem ser escolhidos e projetados adequadamente para sua utilização final.

 

 

 

Precisa regularizar seus vasos de pressão ou caldeira em Belo Horizonte ou Minas Gerais?

Entre em contato com a RW Engenharia!

* visita sem custo para a região metropolitana de BH

Precisa de inspeção no seu vaso de pressão ou caldeira- Chame a RW Engenharia!

Eng. Felipe Wagner

felipe-autor

 

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.