Benjamin Franklin nasceu em 1706, mais precisamente em 17 de janeiro, em Boston , a mais nova de 17 crianças nascidas dos dois casamentos de Josiah Franklin, comerciante de velas de cera. Jornalista, editor, autor, filantropo, abolicionista, funcionário público, cientista, diplomata, inventor e enxadrista estadunidense são algumas das características que definem Franklin e seus feitos.

 

A vida de Benjamin Franklin

 

Benjamin Franklin

 

Além de tudo, foi um dos líderes da Revolução Americana, conhecido por suas citações e experiências com a eletricidade. Religioso, calvinista, e uma figura representativa do iluminismo. Franklin correspondeu-se com membros da sociedade lunar e foi eleito membro da Royal Society. Em 1771, tornou-se o primeiro Postmaster General (ministro dos correios) dos Estados Unidos.

Desde os 15 anos, Benjamin Franklin começou a exercer a profissão de jornalista no jornal de seu irmão James, “The New England Courant”, em Boston. Em 1729, comprou o “Pennsylvania Gazette”. Em 1732, lançou seu sucesso enquanto editor: o “Almanaque do Pobre Ricardo”, anuário de informações gerais, com provérbios do autor, como: “um tostão poupado é um tostão ganhado”.

Na mesma época, Franklin liderou o grupo que criou a primeira biblioteca pública da Filadélfia. Foi também um dos fundadores da Universidade da Pensilvânia, onde ergueu o primeiro hospital público da colônia que seria os Estados Unidos.

A vida de cientista de Benjamin Franklin

 

Em 1748, o editor vendeu seu negócio para se tornar cientista em tempo integral, adquirindo uma fortuna notável que disponibilizou ainda mais tempo para que Franklin pudesse dedicar-se aos estudos. Em poucos anos, ele fez descobertas sobre a eletricidade e, com isso, conquistou uma reputação internacional, sendo que sua principal afirmação foi a identificação de cargas positiva e negativa, além de demonstrar que os raios são um fenômeno de natureza elétrica.

A teoria do cientista tornou-se inesquecível quando ele resolveu realizar uma experiência extremamente perigosa: Franklin empinou uma pipa durante uma tempestade, do dia primeiro de outubro de 1752. Em suas descrições, ele demonstra que esse foi um modo alternativo de demonstrar que o trovão era elétrico, mesmo tendo a consciência de que a experiência poderia ter sido fatal.

Após suas descobertas, as invenções do pesquisador incluíram para-raios, o aquecedor de Benjamin Franklin (o franklin stove era um aquecedor a lenha, que tornou-se popular por debitar uma corrente de ar diretamente na área a aquecer), as lentes bifocais e o corpo de bombeiros norte-americano.

Benjamin Franklin estabeleceu duas áreas de estudo importantes das ciências naturais: eletricidade e meteorologia.  O cientista criou mapas meteorológicos semelhantes aos usados ainda hoje, substituindo os gráficos até então utilizados. Este feito foi possível com base em conversas com agricultores, notando que a mesma tormenta percorria várias regiões.

 

A vida política de Benjamin Flanklin

 

Benjamin Franklin também atuou como administrador público, sendo que seu maior feito no governo foi a reforma do sistema postal. Foi embaixador das colônias no Reino Unido e, depois da independência americana, representante dos Estados Unidos na França, onde se tornou uma figura popular na sociedade parisiense.

Em 1785, Benjamin Franklin foi chamado de volta aos Estados Unidos e honrado com um retrato pintado por Joseph Siffred Duplessis para a Galeria do Retrato Nacional, do Instituto Smithsoniano, em Washington, sendo registrado como um dos heróis da independência, por ter participado da redação da “Declaração de Independência” e da Constituição, além de ter engajado-se na campanha abolicionista.

Aos 84 anos, Benjamin Franklin faleceu e seu funeral foi acompanhado por 20 mil pessoas.

Ainda nos dias de hoje

O para raio de Benjamin Franklin foi à base para os modelos que podemos dispor atualmente. Sua criação foi desenvolvida até ser criado o instrumento que é uma haste de metal, comumente de cobre ou alumínio, destinado a dar proteção aos edifícios atraindo as descargas elétricas atmosféricas, raios, para as suas pontas e desviando-as para o solo através de cabos de pequena resistência elétrica.

 

Precisa de instalação, manutenção e projeto de para raio  no seu estabelecimento ou condomínio em Belo Horizonte ou Minas Gerais?

Entre em contato com a RW Engenharia!

* visita sem custo para condomínios na região metropolitana de BH

 

ENG. ROBERTO WAGNER

 

engenheiro elétrico roberto Wagner

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.