Teste de continuidade SPDA: A cada ano, milhares de edificações residenciais e comerciais são destruídas ou danificadas por raios. A menos que as empresas e condomínios tenham um programa de testes e manutenção adequada, eles só irão saber se o seu sistema de proteção contra descargas atmosféricas está funcionando corretamente quando eles são atingidos por um raio 

Os estabelecimentos sem a proteção de um SPDA conforme NBR 5419 estão desprotegidos e propensos a danos causados pelo fogo, explosões ou picos de energia elétrica e representa um risco a segurança para os ocupantes. Os efeitos de um raio podem ser devastadores.

Como grande parte do sistema de proteção contra raios podem estar ocultos ou inacessíveis após a conclusão das obras, é particularmente importante, que cada componente de um sistema de proteção contra descargas atmosféricas seja inspecionado durante a fase de construção e intervalos regulamentados de manutenções preventivas.

Nesse artigo irmos abordar os seguintes tópicos:

Definição de Teste de continuidade SPDA

Equalização de potencial

Critérios do teste de continuidade no SPDA conforme NBR 5419

Cuidados que a NBR 5419 estabelece:

 

 Definição de Teste de Continuidade SPDA

teste de continuidade spda

Esse ensaio mede a resistência entre quaisquer dois componentes do sistema, o que ajuda a determinar se algum componente precisa ser ajustado ou substituído. Um teste de continuidade será recomendado no caso do sistema apresentar deterioração incomum, conectividade questionável ou valores ohmicos acima do que a norma NBR 5419 estipula.

Equalização de potencial

Todas as massas e instalações metálicas incorporadas à chaminé tais como escadas, plataformas, tubulações etc, devem ser conectadas ao sistema de SPDA

Os condutores vivos dos circuitos de energia devem ser protegidos por DPS, situados no respectivo quadro de distribuição elétrico.

Critérios do teste de continuidade SPDA conforme NBR 5419

O teste de continuidade SPDA também deve seguir premissas legais. O afastamento dos pontos onde se faz a injeção de corrente deve ser de dezenas de metros, por exemplo, entre o piso térreo e a laje do último piso ou entre a fachada da frente e a dos fundos, de preferência na diagonal. Procedendo a diversas medições entre pontos diferentes, se os valores medidos devem atender a NBR 5419.

A medição pode ser feita diretamente com o uso de um mili ou microohmímetro, um aparelho capaz de fornecer corrente da ordem de 10 A, sendo admissível o valor mínimo de 1 A. Importante: não é admissível a utilização de multímetro!

Cuidados que a NBR 5419 estabelece

teste spda

Conforme NBR 5419, alguns princípios devem ser seguidos:

Um projeto da instalação de SPDA, juntamente com acréscimos e modificações e os resultados das inspeções periódicas, incluindo as inspeções visuais anuais e os testes, deve ser mantido nos registros do estabelecimento. Os relatórios têm o objetivo de avaliar os riscos do sistema e as possíveis correções/adequações.

É vital garantir que os testes e manutenções sejam regulares, os envolvidos totalmente treinados e engenheiros credenciados contratados para realizarem essas inspeções. Diante disso, é importante manter os registros abaixo junto à documentação do seu SPDA ou sistema de proteção contra raios:

Quando realizar o teste de continuidade SPDA

O SPDA ou para-raios (como é popularmente conhecido) precisa estar sempre pronto para funcionar, afinal, nunca se sabe quando a descarga atmosférica vai ocorrer. Um dia, ou melhor, alguns minutos de falha pode ser suficiente para que ocorra um acidente, que traria consequências irreparáveis, física ou materialmente.

Por essa razão, sempre que instalado um sistema, ou realizada alguma modificação em componentes de um sistema já existente, é importante que o mesmo seja testado, a fim de garantir que está realmente funcionando. Quando da ocorrência de alguma descarga, ainda que atenuada pelo sistema, é importante que o teste seja novamente realizado, para observar se houve algum dano ao funcionamento futuro. Além disso, são necessários testes anuais, ou a prazo determinado pelo Corpo de Bombeiros, quando da análise de riscos da edificação em questão.

Vantagens do teste de continuidade SPDA

O teste de continuidade SPDA é uma exigência legal. Isso significa que estar em dia com ele representa uma segurança para a sua edificação, que não correrá o risco de ser multada por ocasião de vistoria, ou mesmo responsabilizada civil e criminalmente por possíveis acidentes com descargas atmosféricas.

Além disso, caso os testes do seu sistema estejam atrasados, você pode ter dificuldades em contratar uma seguradora para a sua empresa. Ou ainda, na ocorrência do sinistro, a contratada pode recusar-se a realizar a cobertura. Tais testes garantem que o seu sistema está funcionando e, portanto, eventos adversos são passíveis de cobertura do seguro, desde que constem em apólice, é claro. Também, trata-se de uma forma inteligente de cuidar da segurança dos equipamentos e das pessoas que trabalham ou vivem no local.

Por fim, uma manutenção é importante para que quaisquer defeitos, ainda que pequenos, sejam corrigidos de imediato, evitando assim uma deterioração do sistema, que acarretaria em não funcionamento no momento necessário.

Quem realiza o teste de continuidade SPDA

O teste de continuidade SPDA deve ser realizado por companhia de engenharia especializada. Ao contratar uma empresa para realiza-lo, é importante estar atento se a mesma está registrada no CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) e se há realmente pelo menos um engenheiro responsável no quadro de funcionários.

Além disso, observar a experiência da empresa no mercado e as referências é de suma importância. O ideal é escolher aquela que oferece o melhor custo X benefício, e assim contar com toda a segurança que você precisa quanto a proteção contra descargas atmosféricas, que podem ocorrer a qualquer momento.

Resumo

Resumidamente, todos os estabelecimentos que possuem um sistema de proteção contra descargas atmosféricas devem passar por ensaios de continuidade, resistência da terra e inspeções periódicas visuais. Além da obrigatoriedade de contar com o sistema, o mesmo deve estar devidamente testado.

Esperamos ter contribuído para que você entendesse como funciona e qual a real necessidade do teste de continuidade do seu sistema de para-raios com esse artigo. Caso precisem inspecionar seu sistema de SPDA em Belo horizonte/Minas Gerais, entre em contato com a RW Engenharia.

Artigos relacionados: 

>> Laudo de SPDA ou Para Raio: Não deixe de Ler Isso!

>> Como funciona o para raio?

>> Quais são os tipos de aterramento

>> O que acontece quando um raio atinge a casa?

>> Quais são os tipos de para raio?

  

Agende uma inspeção no para raio

ENG. ROBERTO WAGNERengenheiro elétrico roberto Wagner

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.